Investimento: Seu dinheiro pode render mais

É comum pessoas se queixarem: “sobra mês ao fim do salário”, mas o contrário também pode acontecer. E aí? O que fazer com o valor que ficou na conta? Quem se interessa por investir ou aplicar o dinheiro tem inúmeras opções, além da tradicional e conservadora conta poupança. Acredite: Independente da quantia, há alternativas que podem ser interessantes para começar um investimento. Mas é preciso ponderar.

Quem deseja se aventurar em aplicações, principalmente quem não possui experiência ou conhecimento do mercado, deve ter cautela no início. O primeiro passo é ter certeza de que o dinheiro a ser investido realmente não fará falta durante o período de aplicação. É importante também colocar no papel o custo total do investimento, a fim de evitar uma ilusão de rendimentos líquidos. Faça uma pesquisa detalhada sobre estas informações para encontrar o investimento que mais se aproxima da tríplice: Rentabilidade – Liquidez – Segurança.

Tenha cautela ao tratar fontes desconhecidas, como bancos ou fundos pequenos. Amigos, parentes e, até mesmo, o gerente do banco podem tentar te convencer a apostar em aplicações inadequadas para o seu perfil. Embora seja ótimo ouvir a opinião de todos, não se deixar levar e foque nas pesquisas de mercado para saber qual é o melhor tipo de investimento para você.

Não espere. Comece hoje mesmo

Estudar muito é importante sempre, mas não espere saber tudo sobre aplicações e investimentos para começar. Em investimentos a teoria é tão importante quanto a prática. Se você tem pouco dinheiro para investir, comece com um mínimo possível pra se sentir seguro. Com apenas R$ 30,00 mensais já é possível começar a investir no Tesouro Direto.

Tenha em mente que a coisa mais importante para conseguir poupar dinheiro é ter um bom planejamento. Há algo que muitos sabem, porém poucos conseguem aplicar: controle seu estilo de vida e não gaste mais do que ganha. Viver uma vida plena no presente, sem abrir mão de certos confortos e ainda assim ter dinheiro para investir para o futuro exige uma habilidade que pode ser adquirida. Pratique.

Tire algum tempo para pensar e idealizar como se imagina nos próximos cinco, dez e vinte anos. Trace metas e anote-as no papel, isso é importante para colocá-los em prática.

Veja Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *