Os líderes de sua empresa estão preparados para lidar com as diferenças?

Empresas que prezam por uma cultura heterogênea em relação à origens, cultura, gênero, entre outras características de seus colaboradores deve também se preocupar em ter líderes que estejam preparados e abertos à lidarem com a diversidade.

Quando falamos em diversidade, logo imaginamos diferenças apenas quanto a etnia e orientação sexual, mas as diferenças entre as pessoas não param por aí, incluem ainda capacidade física e intelectual, idade, crenças religiosas, biotipo e outros.

Uma gestão preocupada com questões relacionadas à diversidade cria práticas internas que mostre o quanto as diferenças fortalecem o trabalho e trazem benefícios para todos. Afinal, é comprovado que colaboradores que trabalham em ambiente guiado pela ética, respeito ao próximo e livre de discriminação são mais felizes e, consequentemente, produzem mais.

É importante que líderes sejam treinados para lidar com todos os tipos de diversidade. Essa política acaba por se difundir entre os demais colaboradores e certamente atrai melhores resultados.

Se seu negócio ainda não o fez, aplique a políticas de equiparação salarial entre pessoas que ocupem o mesmo cargo, independentemente do gênero, orientação sexual e etnia. São pequenas mudanças que transformam positivamente a cultura da empresa de inserção e respeito.

Veja Também

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *