Mais estudo e busca por realização: veja quem é o jovem empreendedor

O jovem empreendedor é uma figura cada vez mais comum frente às empresas, principalmente em startups. Isso se deve muito ao seu olhar inovador e fora da caixa que tem um alto poder transformador  no mercado de trabalho, além de ser uma ferramenta valiosa para o empreendedorismo pelo mundo. 

Quer desvendar os segredos dessa galera e, quem sabe, adotar alguns hábitos deles para se reinventar no mercado? Se há um caminho para entender as tendências de uma geração, é observar seu comportamento.  O imediatismo é algo que vem marcando o grupo de jovens nascidos entre 1995 e 2010, conhecidos como geração Z. Esse é um grupo que acredita e aposta cada vez mais cedo no empreendedorismo.

Apesar da pouca idade, eles não dispensam a alta capacitação, portanto, mais estudos antes da abertura da empresa também fazem parte dos hábitos dessa juventude. Vamos conhecer um pouco mais sobre o comportamento dessa geração que traz novos olhares ao mercado e está conquistando o seu espaço.

Jovem empreendedor tem como destino a realização

Um dos principais fatores que têm feito os jovens empreenderem é a realização pessoal, como apontou o levantamento feito pelo Sebrae, divulgado no início deste ano. A pesquisa ouviu 2.132 empreendedores de todas as idades e se focou em traçar o perfil do jovem empreendedor brasileiro.

Geração Z empreende mais cedo

A pesquisa mostrou que 1 em cada 3 empresários (32%) já pensava em abrir uma empresa antes de completar 18 anos. Concentrando os resultado apenas nos jovens com até 24 anos, o número de empreendedores que fizeram o mesmo tipo de afirmação subiu para 80%.

Quanto maior a empresa, maior foi a proporção de empreendedores que pensaram em abrir o negócio mais cedo, assim apontou a pesquisa do Sebrae.

Mas calma… o ditado-popular “Querer não é poder”, ainda é real. Ao menos quando se trata em só querer, entenda o porquê no próximo tópico.

Jovens estudam mais antes de começar a empreender

Os mais jovens foram os que mais buscaram por cursos de empreendedorismo antes de iniciar a jornada empreendedora. Nesse sentido, o jovem empreendedor está tirando nota 10!  

Entre os empresários com até 24 anos, a porcentagem dos que fizeram alguma capacitação antes de abrir a empresa foi de 33%. No grupo de 25 a 34 anos, o número foi de 32% e, nos que têm mais de 35 anos, apenas 24%, ainda de acordo com o levantamento do Sebrae. Mas, lembre-se, se você não faz parte dessa geração, nada de desânimo. Sempre é tempo de aprender mais e se aprimorar!

Gerações Z e Y têm sede por conhecimento

O fato de já terem nascido no ambiente digital e estarem na maioria das vezes por dentro das últimas tendências, isso não fez com que os jovens das Gerações Z e Y se acomodassem depois da abertura da empresa.

Eles são os que mais estão estudando depois de ter começado o empreendimento! Entre a galera empreendedora da Geração Z de até 24 anos, 47% deles se mantém atualizados e estudando, seguidos pelo grupo da geração Y (nascidos entre 1980 1994), que na faixa etária de 25 a 34 anos tem um índice de dedicação aos estudos de 50% e, acima dos 35 anos, esse número cai para 34%.

Mas, independentemente de sua idade, tenha em mente que estudar nunca é demais, sempre é tempo de se atualizar e tudo isso é essencial para o desenvolvimento profissional e empresarial.

Gostou? Então fica! Temos outros assuntos aqui no Blog 99 Empresas que também podem te interessar, espia só:

Liderança Feminina: O Que Acontece Quando Uma Mulher Empreende.

Trabalhe Com Paixão E Diversão: Boas Práticas Para Motivar Seus Funcionários

Veja Também

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *