Mulher em frente a parede desenhada com asas de anjo

Na mira dos anjos: como atrair um investidor-anjo para o meu negócio?

Você já ouviu falar em investidor-anjo? Essa é uma modalidade de investimento feita por pessoas jurídicas ou físicas que aplicam capital em empresas e startups geralmente recém-criadas, mas que têm grande potencial de crescimento e impacto.

Diferentemente de um acionista ou investidor comum, o investidor-anjo também atua como uma espécie de mentor dos líderes, ajuda na rede de relacionamentos e no desenvolvimento da empresa.

São pessoas ou organizações com vasta bagagem e carreira, o que também acaba incluindo ao investimento o conceito de smart Money, uma vez que o capital vem acompanhado também de uma expertise e inteligência.

Mas para conquistar um interessado capaz de orientar o seu escalonamento e ainda ajudar financeiramente, a sua empresa precisa chamar a atenção. Então, fique de olho nas dicas a seguir e ganhe o olhar dos anjos em sua empresa.

Pitch: o primeiro passo para ter um Investidor-anjo

Um pitch nada mais é do que uma apresentação rápida da sua empresa ou startup. Você terá literalmente cinco minutos para convencer que suas ideias são boas. Então, se você conseguiu essa oportunidade ou se está em busca de um investidor-anjo, é ideal que consiga responder estas perguntas de maneira fácil:

  • Sua empresa tem dados de operação? Ninguém investe em nada sem dados.
  • Sua ideia resolve a dor do consumidor? Como?
  • Como está o mercado? Quem serão seus concorrentes?
  • Qual o investimento necessário e o que será feito com o aporte desejado?
  • O que a empresa espera para o futuro?
  • Apresente sua equipe e suas especialidades.
  • Seja dinâmico e criativo para apresentar problema/solução de forma visual.
  • Não ultrapasse cinco minutos.

Identificação é importante

Procure por investidores que se identifiquem com os valores da sua empresa e que tenham experiência na área do seu produto/serviço. A afinidade é um fator muito importante, já que o investidor-anjo também terá o papel de mentor. 

Produto bem desenvolvido

Se o seu produto/serviço ainda não está bem estruturado, então ainda não é hora de procurar um investidor-anjo. Elabore-o com calma e com propriedade para atrair a atenção e tenha exemplos práticos de como ele irá funcionar ou já funciona no mercado.

Como participar de um Pitch Day

Empresas e fundos promovem inscrições para a participação de eventos de Pitch Day, dia em que as startups têm a chance de apresentar o seu pitch e possivelmente conquistar um investidor-anjo. Aqui, além das dicas já mencionadas, vale também se inscrever em eventos de organizações que tenham as propostas e estejam em ramos alinhados com o produto que você está desenvolvendo. Além disso, acompanhe com frequência as notícias e conteúdos relacionados a esse tema para ficar por dentro e não perder os prazos de inscrição. 

Para atrair de fato a atenção, sua empresa precisa trazer algo novo. Inovação não é fácil, mas ela quase sempre está relacionada a resolver a dor do consumidor, que seria o problema profundo que muitas vezes não é atendido por outras empresas. Pense nisso, elabore bem o seu negócio e saia em busca de um investidor-anjo para chamar de seu.

Gostou do conteúdo? Então continue navegando no nosso blog e conferindo mais dicas. Clique aqui e descubra como a 99 Empresas pode solucionar problemas de transporte corporativo de forma prática e econômica.

Veja Também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *